Daniel Gatti

Daniel Gatti

Daniel Gatti (Uruguay) - dgatti@real-uita.org

Quem mandou matar Marielle?

Um dos presos, Élcio Vieira de Queiroz, dirigia o carro da emboscada que permitiu que o outro, Ronnie Lessa, matasse a tiros a vereadora Marielle Franco e seu motorista Anderson Gomes, no dia 14 de março do ano passado. Ainda não se sabe quem é o mandante do crime.

A permanente impunidade

Após esperarem em vão por mais de dois anos para que o Uruguai investigasse a fundo as ameaças de morte feitas por um comando paramilitar de extrema-direita, a maior parte dos ameaçados denunciou o Estado uruguaio para a Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH).

“O movimento sindical tem que ser reformulado”

As direitas mais autoritárias estão chegando ao poder em quase todo o mundo, sem sequer precisarem recorrer a golpes de estado ou a intervenções militares, como se fazia em décadas atrás. Agora, chegam pelo voto popular. Um novo contexto, exigindo dos movimentos sindicais e das esquerdas a habilidade de pensar formas diferentes de agir e de gerar estratégias.

Tudo tem seu princípio e seus princípios

A Monsanto pode viver noites escuras. Só nos Estados Unidos deverá enfrentar mais de 8.500 processos em razão das graves consequências para a saúde humana, vítima do uso de dois de seus produtos “estrela”, o Roundup e o RangerPro. A empresa, entretanto, continua insistindo que seus agrotóxicos são inócuos.

Os mortos que vos matais

Dez dias atrás, morreu Fabián Tomasi. Tinha 53 anos e pesava 30 e poucos quilos. Morreu por estar exposto a diversos agrotóxicos, entre eles o glifosato, com o qual pulverizou plantações durante anos, sem usar de nenhum tipo de proteção.