SINDICATOS criam grupo de apoio a trabalhadores no pós-covid

“Eu ainda tenho falta de ar”. “Sinto muita fraqueza pra trabalhar naquele ritmo acelerado da produção”. “Minha memória ficou prejudicada depois da doença”. “Meu médico disse que ainda não sabem muito sobre as sequelas do meu caso”. Essas e outras questões tem chegado com frequência para os dirigentes sindicais do setor da alimentação.

Mercadores da morte

Entre fevereiro e março deste ano, 200 pessoas com Covid-19 morreram no Brasil durante um estudo científico irregular com uma substância chamada proxalutamida, que está sendo estudada para combater o câncer de próstata.

O empório dos venenos “inócuos”

Não é exatamente uma surpresa o paraíso dos agrotóxicos em que se tornou o Brasil de Jair Bolsonaro, contudo as revelações sobre os excessos de seu governo na área da saúde e do meio ambiente continuam se acumulando: agora foi divulgado que um inseticida proibido no primeiro mundo e na Argentina continua e continuará sendo vendido no Brasil, esse gigante sul-americano, porque suas autoridades o consideram inócuo.