Brasil | SOCIEDADE | LGBTI

O SINTIARC participou ativamente de ato em repúdio à demissão de um professor

Nossa organização filiada, o Sindicato dos Trabalhadores da Indústria de Alimentação de Criciúma e Região (SINTIACR) se uniu no último sábado, 28 de agosto, a um ato de repúdio às ações tomada pelo prefeito da cidade, Clésio Salvaro (PSDB), contra um professor da rede municipal de educação.

O professor de Artes foi demitido por exibir um videoclipe do artista “Crioulo”, que aborda a questão LGBTI, para alunos do ensino médio da rede pública.

O prefeito afirmou nas redes sociais que não permitiria «viadagem» na educação pública e demitiu o professor em evidente ato de discriminação e homofobia.

“O prefeito queria um pouco de circo midiático e se catapultou politicamente com essas declarações homofóbicas, mas acho que o tiro lhe saiu pela culatra, porque as manifestações em repúdio à sua medida foram imediatas e muito amplas”, declarou Gisele Adão, dirigente do SINTIACR e vice-presidenta do Comitê Mundial LGBTI da UITA.

Fotos: SINTIACR