MJDH comemora 40 anos de atuação

A exposição “40 anos de resistência – A história do MJDH”, inaugurada ontem no Memorial do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre, marca a abertura das comemorações pelos 40 anos do MJDH

A globalização da violência

O território de Salitre de Buenos Aires, na província de Puntarenas, no oeste de Costa Rica, vem sendo palco de uma crescente onda de violência protagonizada por fazendeiros, cujas vítimas são as comunidades indígenas, defensoras de suas terras perante a passividade do poder político. Sérgio Rojas, líder da comunidade Bribri, é o mais recente de uma longa lista de indígenas assassinados.

Quem mandou matar Marielle?

Um dos presos, Élcio Vieira de Queiroz, dirigia o carro da emboscada que permitiu que o outro, Ronnie Lessa, matasse a tiros a vereadora Marielle Franco e seu motorista Anderson Gomes, no dia 14 de março do ano passado. Ainda não se sabe quem é o mandante do crime.

O presidente e as transnacionais defendem os seus próprios interesses

A Irmã Dorothy Stang foi assassinada, com seis tiros, há 14 anos, no Pará, estado do Brasil que ocupa 26% de toda Amazônia Legal, tendo sido um exemplo vivo do quão arriscado pode ser “criar” novos caminhos dentro e fora da Igreja, quando as transnacionais se consideram ou querem ser as donas de uma região muito rica, como é o caso da Amazônia brasileira.

A permanente impunidade

Após esperarem em vão por mais de dois anos para que o Uruguai investigasse a fundo as ameaças de morte feitas por um comando paramilitar de extrema-direita, a maior parte dos ameaçados denunciou o Estado uruguaio para a Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH).